foto_jmc

José Martins Carvalho

Agregado em Geociências pela Universidade de Aveiro (2013). Doutorado em Geociências (especialidade de Hidrogeologia Aplicada), pela Universidade de Aveiro, em 2006. Licenciado em Ciências Geológicas, pela Faculdade de Ciências da Universidade do Porto, em 1966. Assistente e Prof. Auxiliar convidado nas Universidades do Porto e Évora e Professor Coordenador com Agregação do ISEP, Instituto Politécnico do Porto. É atualmente Professor Emérito do Instituto Politécnico do Porto. É investigador da Unidade de Investigação GeoBioTec da Universidade de Aveiro (Departamento de Geociências).

Mais de 150 artigos em revistas nacionais e internacionais e co-autor de três livros.

Experiência profissional de mais de 45 anos em projectos de desenvolvimento e protecção de recursos hídricos, águas minerais naturais e geotermia, em Portugal, Espanha, África e América Latina.

Responsável pelos estudos de impacte ambiental na vertente de água subterrânea nos empreendimentos de Foz Tua, Carvão-Ribeira, Alvito, Venda Nova, Salamonde e Paradela, no Projecto Mineiro de Conga (Peru) e no túnel rodoviário do Marão.

Recentemente foi editado um número especial com 519 páginas da revista Environmental Earth Sciences (ex Environmental Geology) da SPRINGER, Volume 73, nº 6, March 2015, Sustainability and Water Ressources: Honouring Emeritus Professor EurGeol. José Martins Carvalho.

Medalha de Mérito 2016 da Federação Europeia de Geólogos.

 

 

photoplaceholder

Rita Carvalho

Licenciada em Biologia pela Faculdade de Ciências da Universidade de Lisboa em 2005 e Mestre em Biologia Humana e Ambiente (2009) pela mesma Universidade. Possui ainda o Mestrado em Biologia e Geologia (vertente Ensino), com o complemento de várias Unidades Curriculares na Área de Geologia, pela Faculdade de Ciências e Tecnologia da Universidade Nova de Lisboa, em 2015.

É desde Maio de 2014 Assistente de Produção na TARH, onde colaborou em vários projetos no âmbito dos Recursos Hídricos na Europa e África. Participa ainda nos projetos de investigação científica em Recarga Artificial de Aquíferos (WARBO, MARSOL, SOWAMO) como membro da equipa TARH.

Completou duas formações na área dos SIGs (Sistemas de Informação Geográfica) e tem efetuado trabalhos nessa área para a TARH.

É doutoranda em Hidrogeologia na Faculdade de Ciências da Universidade de Lisboa desde 2018.

 

 

Marina Paiva

Mestre em Geologia em 2016 pela Faculdade de Ciências da Universidade do Porto, com dissertação de mestrado desenvolvida na área da Hidrogeologia.

É membro da TARH desde 2018, onde colabora em vários projetos no âmbito dos Recursos Hídricos na Europa e em África, desenvolvendo atividades relacionadas com captação de águas subterrâneas, definição de Perímetros de Proteção, caracterização hidrogeológica e SIG.

Participa também em projetos de abastecimento de água subterrânea para abastecimento público e investigações geotérmicas, designadamente no Projeto Geotérmico dos Açores, entre outros.